quinta-feira, 25 de março de 2010

DEPUTADO DIZ, QUE NENÉM MOURÃO USOU AVIÃO COM FINS ELEITOREIROS


O líder da oposição na Assembleia, deputado Edivaldo Holanda (PTC), vai encaminhar, nos próximos dias, denúncia à Procuradoria Regional Eleitoral revelando um esquema político/eleitoreiro, que utilizou o patrimônio público do Estado, para beneficiar a governadora Roseana Sarney (PMDB) e os secretários estaduais Ricardo Murad (Saúde), Max Barros (Infraestrutura) e Gastão Vieira (Planejamento).

Nesta quarta-feira (24), Edivaldo Holanda apresentou na Tribuna da Casa fotos, publicadas na edição do último dia 12 do “Jornal Fatos do Município”, que mostram o prefeito de Buriti de Inácia Vaz, Neném Mourão (PRB), acompanhado dos secretários Max Barros e Gastão Vieira, desembarcando no município a bordo de um helicóptero (prefixo PT-HNU) pertencente à Secretaria de Estado da Saúde.

O fato aconteceu três dias após o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE) decidir manter Mourão no cargo. O prefeito havia sido cassado no final do ano passado acusado de doar, com fins políticos, dinheiro, cestas básicas e pares de chuteiras.

O helicóptero da Secretaria de Estado da Saúde teria sido liberado pelo secretário Ricardo Murad para fazer o translado de Neném Mourão de São Luís para Buriti de Inácia Vaz, onde dezenas de correligionários seus o aguardavam para comemorar a decisão que o manteve no cargo de prefeito. “As fotos são claras e não deixam dúvidas. Mostram o prefeito usando um bem público para fazer campanha eleitoral. Isto aqui vai ter que parar nas mãos da senhora Carolina da Hora, Procuradora Eleitoral, para que ela possa tomar as devidas providências contra este crime que acontece perante nós, deputados, perante a sociedade do Maranhão e perante os senhores representantes da Justiça neste Estado”, afirmou Edivaldo Holanda.

O deputado criticou veementemente a governadora Roseana Sarney e os três secretários que, numa demonstração clara de abuso de poder e desrespeito total aos princípios jurídicos e da administração pública, cederam um bem público a um aliado político com o único objetivo de se beneficiarem eleitoralmente. “Este helicóptero, que foi arrendado pelo secretário Ricardo Murad sem licitação e que custa milhões aos cofres do Estado, deveria estar sendo usado para transportar doentes, remédios e vacinas. Mas o que vemos nestas fotos é um total desrespeito para com os maranhenses. Vemos um governo, cujo setor de Saúde está desmantelado, cedendo um bem público para um prefeito fazer uma festa eleitoreira, que conta com as participações de dois secretários [Max e Gastão] que, na Ilha Fiscal de Buriti de Inácia Vaz, representam o governo Roseana Sarney”, disse Holanda.

A denúncia apresentada por Edivaldo Holanda despertou repúdio entre os demais deputados da bancada oposicionista. O presidente da Assembleia, deputado Marcelo Tavares (PSB), classificou o episódio como um desrespeito ao povo do Maranhão. “É por este motivo que remédios e vacinas não chegam ao interior do Estado. Só podemos ter fé, deputado Edivaldo, que muito em breve o povo saberá dar a resposta para estas pessoas que brincam com a vida de milhares de maranhenses e com a inteligência dos pais e mães de família”, comentou.

Para o deputado petista Valdinar Barros, os fatos narrados e comprovados por Edivaldo Holanda refletem muito bem a cara do governo irresponsável de Roseana Sarney. “Este é um governo que vive de mentiras, de propagandas enganosas. Na região Tocantina, por exemplo, as obras anunciadas pela governadora nunca saíram do papel”.

Da Agência Assembleia/J P

0 comentários:

Postar um comentário