sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

ENEM: NOTAS MÍNIMAS E MÁXIMAS

Pontuação máxima foi registada em matemática, e a mínima em linguagens e códigos

O Ministério da Educação (MEC) divulgou na tarde desta sexta-feira, 14, as notas mínimas e máxima tirada pelos candidatos nas provas do Enem 2010. Confira:

Ciências humanas
Nota mínima: 265,1
Nota máxima: 883,7

Ciências da natureza
Nota mínima: 297,3
Nota máxima: 844,7

Linguagens e códigos
Nota mínima: 254
Nota máxima: 810,1

Matemática
Nota mínima: 313,4
Nota máxima: 973,2

Cada prova tem 45 questões de múltipla escolha e as notas são calculadas usando a Teoria da Resposta ao Item (TRI), um modelo matemática que permite comparar provas diferentes.

Para consultar seu desempenho no Enem, os estudantes devem acessar o site do Inep, informando número de inscrição ou CPF e senha. Alguns candidatos têm relatado dificuldades em fazer login no sistema. Eles não conseguem recuperar a senha. Também há casos de alunos que tiveram a redação anulada e acusam o MEC de erro.

Cálculo da nota
A metodologia adotada no Enem é a da Teoria da Resposta ao Item (TRI), um modelo que atribui pesos diferentes às questões em função do número de erros e acertos obtidos pelos candidatos. Por exemplo: se um item teve alto índice de acertos, valerá menos pontos. Mas se poucos alunos marcaram a resposta correta, a questão valerá mais pontos para aqueles que tiveram acertado. Por essa razão, pessoas que acertam o mesmo número absoluto de itens podem obter médias diferentes.

Ao contrário das provas tradicionais, na TRI não existe um valor pré-fixado para uma questão nem um escala com o máximo e o mínimo de pontos que o candidato pode obter no Enem. Para saber se foi bem ou mal, o candidato precisa comparar seus resultados em uma escala que varia em cada uma das provas. Ela é composta a partir da nota mais baixa e a mais alta obtidas pelos participantes em cada um dos testes (ciências da natureza, humanas, linguagens e matemática).

Eatadão

0 comentários:

Postar um comentário