quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

PROFESSORES DO MA DECIDEM GREVE A PARTIR DE TERÇA

Profissionais de educação do Estado reuniram-se em assembléia, na manhã de hoje (23), no auditório da Federação dos Trabalhadores da Indústria do Estado do Maranhão (Fetiema), na Praça da Bíblia, onde deliberaram pela greve geral, por tempo indeterminado, a partir da próxima terça-feira (1º de março).
O impasse se instalou entre a categoria e o governo do estado desde 2009, por conta da não aprovação do Estatuto do Educador e do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCR) dos trabalhadores.

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma), Júlio Pinheiro, a última proposta apresentada pelo governo, foi de que o PCCR só seria aprovado e implementado a partir de 2012 e com percentuais de reajuste nos salários pagos de forma escalonada, até 2015.

Ele afirmou que a mobilização da categoria vem sendo feita desde o dia 17, numa programação de assembléias regionais. “A última reunião será em Imperatriz, no dia 25 [sexta-feira]. Ao todo são 18 regionais espalhadas pelo interior do Maranhão, e 16 delas já aprovaram a greve”, declarou.

POR JULLY CAMILO/JP

0 comentários:

Postar um comentário