segunda-feira, 28 de novembro de 2011

O BRASIL ESTÁ 'BLINDADO' CONTRA A CRISE, DIZ DILMA

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira (28) que a política fiscal, o controle da inflação, a distribuição de renda e a geração de empregos são os fatores responsáveis pela "blindagem" do Brasil neste momento de crise econômica internacional.

Dilma disse ainda que o país tem poupança suficiente para suprir as empresas brasileiras de crédito em caso de escassez de recursos no mercado internacional, se referindo as reservas internacionais (US$ 350 bilhões) e os recursos depositados no Banco Central.

"Diante da crise, temos todas as chances de continuar crescendo, por que o Brasil amadureceu economicamente. Somos um país que sabe crescer, manter a estabilidade, não sai por aí feito louco se endividando lá fora, como se fazia antes. Temos a inflação progressivamente caminhando para o centro da meta, uma política fiscal séria. O Brasil tem também um processo de distribuição de renda, talvez o maior responsável pela nossa blindagem em relação ao exterior", disse ela em discurso em São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte.

Na semana passada, Dilma afirmou que a crise abre oportunidades e o Brasil não deve se "atemorizar".
"Nesse momento, o que temos que fazer diante da crise não é nos atemorizar, parar de produzir e consumir", disse. "Precisamos avançar. E avançar significa melhorar a qualidade do serviço público e garantir que o setor privado continue investindo, sobretudo em inovação."

Dilma disse também que, atualmente, "chegar à quinta potência" está mais próximo para o país. "Mas não queremos ser a quinta potência, queremos ser um país sem pobreza, um país de classe média", afirmou.

Com infornmações da Folha

0 comentários:

Postar um comentário