segunda-feira, 5 de março de 2012

Eike Batista, o homem que explora gás mo MA, é o 10º mais rico do mundo

O brasileiro Eike Batista é a 10ª pessoa mais rica do mundo, com uma fortuna de US$ 29,8 bilhões, segundo um ranking lançado pela agência de informações Bloomberg. O mexicano Carlos Slim encabeça a lista, com US$ 68,5 bilhões, seguido por Bill Gates (US$ 62,4 bilhões) e Warren Buffett (US$ 43,8 bilhões). Juntos, os 20 mais ricos do planeta detêm US$ 676,8 bilhões.
O ranking da Bloomberg concorre com a tradicional lista de bilionários da revista “Forbes“, que na sua mais recente edição, de 2011, aponatava Eike como 8º do mundo.

Uma diferença é entre os dois rankings é que o da Bloomberg promete ter atualização diária. Por exemplo, quem entra na listanesta segunda-feira, 5, verá que o patrimônio de Eike aumentou em US$ 134 milhões no último dia útil, enquanto o de Slim foi reduzido em US$ 478 milhões.

A “Forbes” divulga sua lista anualmente, geralmente em março. O ranking de 2012 deve, portanto, ser anunciado nas próximas semanas. A revista não atualiza o levantamento diariamente, mas traz bem mais nomes que a Bloomberg. Enquanto a agência de notícias se atém aos 20 mais ricos do mundo, a revista trouxe na sua mais recente edição (de 2011) 1.210 bilionários.

O ranking da “Forbes” de 2011 colocava Eike na 8ª posição, com US$ 30 bilhões, e Slim em 1º lugar, com US$ 74 bilhões.

Eike no topo?
Em entrevista à agência, Eike disse que vai superar Slim e se tornar o homem mais rico do mundo em 2015. “Sou competitivo. É a vez de o Brasil se tornar o número 1. Os brasileiros sempre admiraram o sonho americano. O que está acontecendo no Brasil é o sonho brasileiro, e eu sou exemplo disso”, afirmou.

No entanto, a Bloomberg diz que, pelo ritmo atual, é improvável que o brasileiro passe o mexicano antes de 2024. O valor do patrimônio de Eike recuou US$ 3,6 bilhões nos últimos 12 meses, segundo a Bloomberg, por causa da queda de 12% das ações da OGX quando avaliadas em dólares. Já a fortuna de Slim diminuiu em US$ 6,8 bilhões no mesmo período, devido à redução de 14% das ações da América Movil.

Mas se considerarmos apenas o ano de 2012, Eike foi quem mais ganhou dinheiro até agora, entre os 20 mais ricos do mundo. Seu patrimônio cresceu 32,4% no acumulado deste ano. Já o de Slim aumentou 11,2%.

Como a Bloomberg calcula a lista em dólares, a alta do real foi um fator fundamental para o aumento da fortuna de Eike neste ano. A moeda brasileira está entre as que mais sobem no mundo. Desde o início do ano, a divisa brasileira apreciou-se em 9,4%.

“Não se faz isso [se tornar o mais rico do mundo] de um dia para o outro. Eu mantenho inteiramente o meu objetivo. Não volto atrás, de maneira nenhuma”, disse Eike à Bloomberg.

Com informações do Estadão

0 comentários:

Postar um comentário