terça-feira, 20 de março de 2012

São Paulo: Polícia prende suspeita de integrar 'gangue das loiras', confira

A quadrilha, formada por pelo menos cinco loiras e uma morena, é suspeita de realizar assaltos a casas e sequestros relâmpago.

A Polícia Civil de São Paulo busca pelo menos mais cinco mulheres suspeitas de formar uma quadrilha especializada em assaltar casas e condomínios e realizar sequestros relâmpago desde 2008, na cidade de São Paulo, Grande São Paulo e no Rio de Janeiro.

O cerco ao grupo começou após policiais civis da 3ª Delegacia anti-sequestro do Departamento Estadual de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), com auxílio de policiais do Paraná, prenderem na sexta-feira (09), a loira C. G. V., de 25 anos, suspeita de integrar a quadrilha.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, a jovem foi presa em seu apartamento, em Curitiba. A suspeita permitiu a entrada dos policiais do DHPP. Em São Paulo, a presa teria confirmado  seu envolvimento em crimes e foi reconhecida por três vítimas.

De acordo com investigação de polícia, a quadrilha - composta por um homem e seis mulheres, uma delas ainda não identificada - começou com furto a condomínios e desde 2008 atua com sequestro relâmpago, tem como vítimas mulheres e idosas que eram surpreendidas perto de shoppings e estacionamentos. As mulheres da quadrilha, cinco loiras e apenas uma morena, estavam sempre bem vestidas e aparentavam ser de classe média alta.

Com informações do IG

0 comentários:

Postar um comentário