segunda-feira, 7 de maio de 2012

Secretaria do Trabalho e MPX formam parceria para capacitar maranhenses

Até o fim do 1º semestre de 2012, a MPX pretende capacitar 300 pessoas nos municípios de Santo Antônio Lopes, Capinzal e Pedreiras.

Representantes da Secretaria de Estado de Trabalho e Economia Solidária (Setres) e da MPX Energia se reuniram, esta semana, para avaliar e planejar a implantação de cursos de qualificação profissional para trabalhadores maranhenses que moram na área de influência direta da Usina de Geração de Energia Elétrica que a empresa está construindo no município de Santo Antônio dos Lopes.

A reunião, também, serviu para apresentação do Projeto Marco Zero de Intermediação desenvolvido pela Setres, que disponibiliza equipes móveis do serviço Sine-MA para se deslocar aos municípios que apresentam necessidade urgente de ações de cadastro e encaminhamento.

A usina é o maior complexo termelétrico de geração de energia a gás natural da América Latina, tendo o abastecimento ligado aos blocos exploratórios que a OGX implantou na Bacia do Parnaíba, com volume de recursos potenciais de 11,3 trilhões de metros cúbicos de gás natural.

A UTE Parnaíba, como foi batizado o projeto, terá capacidade total de 3.722 MW de energia, com investimento previsto de R$ 6,5 bilhões. As obras se encontram em fase de terraplanagem e prevê a geração de até 1.500 empregos diretos no auge da construção.

Participaram da reunião o secretário de Estado de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy; agerente de Gestão de Pessoas da MPX, Patrícia Costa; a técnica de Gestão de Pessoas do grupo, Maria Lucia Melo; e a coordenadora do Projeto Marco Zero no Maranhão, Isaura Moreira Lima Modesto.

De acordo com o secretário Antônio Heluy, a parceria firmada entre as instituições vai favorecer, principalmente, os trabalhadores da região. “Levar desenvolvimento e emprego para a Região Central do Maranhão é uma iniciativa que traz de volta ao estado muitos trabalhadores que foram atrás de boas oportunidades em outros lugares do Brasil e agora veem que há oportunidades em sua terra de origem”, disse. “Também deve elevar a renda dos municípios sob influência do empreendimento e melhorar os índices de pobreza extrema do estado”, avaliou o secretário.

Cursos e cadastro de trabalhadores
A Setres vai entrar como parceira da MPX, por meio do Sine-MA, com ações de cadastro de trabalhadores, encaminhamento de candidatos para empresas, retirada de carteira de trabalho, atualização de PIS e no cadastro para cursos de capacitação.

As equipes do Marco Zero farão cadastros nos municípios de Capinzal do Norte, Pedreiras, Dom Pedro e no próprio Santo Antônio dos Lopes, com previsão de ida para a primeira quinzena de maio. Os dias de ação serão noticiados por veículos de comunicação das localidades envolvidas.

Em 2011, a MPX capacitou 200 pessoas dos municípios de Santo Antônio Lopes e Capinzal do Norte nos cursos de construtor de obras, auxiliar de obras, carpinteiro e armador de ferragens. Até o fim do primeiro semestre de 2012, a MPX pretende capacitar mais 300 pessoas também nos municípios de Santo Antônio Lopes, Capinzal, se estendendo para Pedreiras.

Com informações do Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário