quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Seis mortos em desabamento de prédio em São Paulo eram do Maranhão

A Secretária de Segurança Pública de São Paulo divulgou, nesta quarta-feira (28/8) a lista com o nome dos oito mortos em um desabamento de um prédio em construção, na Avenida Mateo Bei, no Bairro São Mateus, na capital paulista, na manhã de ontem. Seis das oito vítimas são do Maranhão. 26 pessoas ficaram feridas.

O Ministério Público de São Paulo abriu investigação para apurar as causas do desabamento. A investigação será conduzida pela Promotoria de Justiça de Habitação e Urbanismo.

A prefeitura de São Paulo informou que a obra estava em situação irregular por falta de alvará de execução e foi embargada. A obra recebeu duas multas, ambas em março deste ano: uma de R$ 1.159,00 por falta de documentação no local da obra e outra de R$ 103,5 mil por não cumprimento de intimação. Segundo a prefeitura, independentemente da situação do alvará, a segurança da obra é de responsabilidade da construtora ou do engenheiro habilitado, até porque o alvará não trata da segurança da obra, mas da aprovação da planta e análise jurídica.

“A irregularidade constatada é que não havia alvará de execução da obra e, no caso, o proprietário havia sido multado duas vezes, em função da falta de autorização. Mas, mesmo que houvesse a autorização, isso não eximiria o engenheiro responsável pelos aspectos técnicos de segurança no local de trabalho. Então, há uma dupla falha. Há uma falha formal, jurídica, que não foi observada, e uma falha técnica que tem de ser apurada pela perícia. Estava tudo errado”, disse o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

A Polícia Civil de São Paulo também abriu investigação para apurar as causas e as responsabilidades pelo desabamento e, na manhã de hoje, começou a ouvir os funcionários da obra que sobreviveram ao acidente. 

Segundo a Defesa Civil, quatro casas e dois estabelecimentos comerciais foram interditados no local.

Veja a lista:

- Marcelo de Sousa Rodrigues, 22 anos, natural de Barra do Corda (MA)

- Ocirlan Costa da Silva, 19 anos, Mirador (MA)

- Antônio Carlos Carneiro Muniz, 36 anos, Grajaú (MA)

- Raimundo Barboza de Souza, 38 anos, Imperatriz (MA)

- Leidiano Teixeira Barbosa, 27 anos, Barra do Corda (MA)

- Felipe Pereira dos Santos, 20 anos, Imperatriz (MA)

- Raimundo Oliveira da Silva, 29 anos, Itaguatins (TO)

- José Ribamar Soares do Nascimento, 20 anos (não foi informada a origem)



Fonte: O Imparcial e Agência Brasil

0 comentários:

Postar um comentário