segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Felipe Massa acerta com a Williams para pilotar na temporada 2014 da F1, confira

A notícia foi anunciada nesta segunda pela equipe inglesa em seu site oficial; brasileiro terá como companheiro o finlandês Valtteri Bottas; tempo de contrato é de três anos.
Felipe Massa

Felipe Massa será piloto da Williams na temporada 2014 da Fórmula 1. A notícia foi anunciada nesta segunda-feira pela equipe inglesa em seu site oficial. O brasileiro, que ainda correrá duas provas neste ano pela Ferrari, terá como companheiro o finlandês Valtteri Bottas. O tempo de duração do contrato é de três anos.

“A Williams é uma das mais bem sucedidas e importantes equipes da F1 em todos os tempos. Quando era criança, sempre sonhei em correr por Williams, Ferrari ou McLaren. Estou honrado em assinar com outro ícone do esporte. É também bom lembrar que alguns dos maiores pilotos brasileiros competiram pela Williams e cimentaram uma forte ligação nacional com a equipe”, afirmou Massa em comunicado divulgado pelo time inglês.

O brasileiro falou que a mudança de regulamento para a próxima temporada será o maior da Williams em 2014 e que espera ser útil com sua experiência para desenvolver um carro competitivo.

 “Desde meus primeiros dias no automobilismo, não me lembro de ter tantas novas regras para uma só temporada. Estou totalmente preparado para trabalhar com todos em Grove para ter certeza que vamos achar a direção certa. Estou extremamente motivado para trabalhar pesado desde o início no que é um excitante novo desafio na minha carreira”, completou o piloto.

Chefe da equipe, Frank Williams exaltou o talento de Massa e deu boas vindas ao brasileiro.
“Estamos deliciados em poder confirmar nossos pilotos para 2014 e dar boas vindas ao Felipe à família Williams. Ele possui um talento excepcional e é um verdadeiro lutador nas pistas. Ele também trás uma riqueza de experiência em um novo capítulo de nossa história”, disse o dirigente.

Massa será o sexto piloto do Brasil a competir pela Williams. Antes dele, o País foi representado na equipe por Nelson Piquet, Ayrton Senna, Antônio Pizzonia, Rubens Barrichello e Bruno Senna.

O time já conquistou o Mundial de Construtores nove vezes e o de Pilotos em sete oportunidades. Uma destas, em 1987, com Piquet. Na última década, porém, os carros da Williams só venceram duas corridas – com Juan Pablo Montoya, no GP Brasil de 2004, e Pastor Maldonado, no GP da Espanha em 2012.

Divulgação
Massa com Frank Williams, seu novo chefe

Fora da equipe, Maldonado está cotado para assumir o antigo posto de Kimi Raikkonen na Lotus. Assim, Nico Hulkenberg, que também disputa a vaga, deve permanecer na Sauber ou retornar à Force Índia. Uma ida para a McLaren, embora improvável, também não é descartada.

Durante a tarde, Massa publicou nas redes sociais uma foto sua ao lado de Frank Williams, fundador da escuderia inglesa, e comemorava seu novo emprego. "Um grande dia!! O primeiro de uma nova e boa fase ! Aqui com o grande Frank Williams !! Estou muito feliz ", escreveu o piloto brasileiro.

Do IG

0 comentários:

Postar um comentário