sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Resultado oficial da Eleição do PT/MA desmonta Washington e tem 2º turno

Monteiro, Roseana e Washington: O PT na oligarquia

Washington Oliveira tentou aplicar um golpe nas eleições do PT através de uma apuração paralela que declarava Raimundo Monteiro como o vencedor no primeiro turno na escolha direta do futuro presidente do PT no Maranhão.

Idêntico ao escandalo Proconsult em 1982, quando a Rede Globo e os militares fraudaram uma apuração paralela para impossibilitar a vitória de Brizola ao governo do Rio de Janeiro.

Assim como usaram o sistema Globo para divulgar a falsa vitória de Moreira Franco, Oliveira utilizou  O Estado do Maranhão para propagar que o seu candidato venceu a eleição e servir de mote editorial  para o jornal de Sarney apregoar que o PT no Maranhão rejeitou a aliança com Flávio Dino.

Chegaram até mesmo a divulgar uma nota oficial festejando a vitória de Monteiro no primeiro turno.
A idéia era desmobilizar a militância e garantir a vitória no grito.

Mas o resultado promulgado quinta-feira à noite pela comissão que fez a totalização dos votos colocou por água abaixo o golpe planejado pelos petistas aliados de Sarney, e confirmou a realização do segundo turno.

Raimundo Monteiro teve 2.856 votos, Henrique Sousa, 2.085; Augusto Lobato 1.557; Rodrigo Comerciário 502, Mundico Teixeira 467, e Eri Castro 175.

A tendência é que os cinco candidatos se unam contra Monteiro, que tenta a reeleição.
O segundo turno está marcado para 24 de novembro, mas acredita-se que Washington deva tentar reverter a situação no diretório nacional.

Poderia aproveitar para explicar como na apuração paralela o seu candidato teve 6.098 votos e na oficial, apenas 2.856.

Aprendeu com Roseana!

Blog do Garrone 

0 comentários:

Postar um comentário