quinta-feira, 20 de março de 2014

Cidade do Piauí sem nenhum banco cria moeda própria para girar economia


Sem bancos públicos ou privados,  os moradores de São João do Arraial (a 200 km de Teresina, no Piauí) tiveram de improvisar e criar sua própria moeda: o cocal.

Divulgação
 
Notas de Cocal, no Piauí

A pequena cidade, com pouco mais de 7.000 habitantes, foi buscar o sucesso dos bancos comunitários como fórmula para garantir pequenos financiamentos e fazer girar recursos na economia.

Em dezembro de 2008, foi fundado o Banco Comunitário dos Cocais, que criou a moeda a moeda paralela: o cocal.

Tudo começou com R$ 1.500 doados pelo Instituto Palmas (um dos pioneiros e referência em bancos comunitários) para circular na economia. Hoje existem 25 mil cocais circulando em São João do Arraial, que ajudam a aquecer a economia local. 

Uol

0 comentários:

Postar um comentário