segunda-feira, 2 de julho de 2012

O projeto Limpa Brasil recolhe duas toneladas de resíduos em São Luís

Recolhimento de material reciclável
A Prefeitura de São Luís participou do Movimento Limpa Brasil Let's do it!, que realizou uma série de ações educativas de catação de material reciclado e orgânico, no último final de semana, no entorno de 20 Unidades de Ensino Básico (UEBs) e na avenida Litorânea, na capital maranhense.

Ao final da ação de mobilização na cidade, foram contabilizados, ao todo, cerca de duas toneladas e meia de materiais recicláveis e cinco toneladas de materiais orgânicos, segundo dados da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). A programação encerrou, na Praça Maria Aragão, com shows da banda Raiz Tribal e do cantor Tonni Garrido. 

"A experiência do Limpa Brasil em São Luis foi maravilhosa, porque, apesar de termos tido pouco tempo para a mobilização, a sociedade deu uma resposta positiva. As nossas expectativas foram superadas", comentou o coordenador nacional de Logística do Limpa Brasil e protagonista do documentário Lixo Extraordinário, Tião Santos.

As ações envolveram as secretarias municipais de Governo (Semgov), de Educação (Semed), de Comunicação (Secom), de Turismo (Setur), de Trânsito e Transporte (SMTT) e de Obras e Serviços Públicos (Semosp), além da Fundação Municipal de Cultural (Func).

Representantes da empresa Atitude Brasil, responsável pela organização do Limpa Brasil, projeto que visa mobilizar a população para a limpeza das principais cidades do país e conscientizar a sociedade em relação ao tratamento e descarte correto dos resíduos sólidos, estiveram na capital maranhense mobilizando a população para se engajar ao movimento.

A solenidade de abertura do evento foi realizada na Praça Maria Aragão, na manhã de domingo (1º), com a presença dos secretários municipais de Educação, Albertino Leal; de Comunicação, Edwin Jinkings; de Obras e Serviços Públicos, Marcos Aurélio Freitas; de Meio Ambiente, Afonso Henriques; e de representantes da Cemar; Banco do Brasil; do Grupo de Escoteiros e equipe do Movimento Limpa Brasil.

A dinâmica da mobilização no domingo (01) consistiu em envolver as pessoas na catação de materiais jogados indevidamente no chão. A ação foi desenvolvida a partir de pontos estratégicos, onde foram entregues os kits do catador, composto por luvas e sacos plásticos. 

Resultado positivo - A mobilização nas 20 escolas municipais teve resultados satisfatórios. Envolveu as equipes pedagógicas das escolas, os alunos e as comunidades, que "vestiram a camisa do movimento e abraçaram a causa", indo às ruas recolher os materiais e mobilizando a população.

Participaram das atividades as Unidades de Ensino Básico (UEBs) Ministro Mário Andreazza, Rosário Nina, Haydê Chaves, Ministro Carlos Madeira, Lindalva Teotônia Nunes, Profª Rosilda Cordeiro, Newton Neves, Profº Rubem Almeida, Profº Mata Roma, Roseno de Jesus Mendes, Darcy Ribeiro, Profº Sá Valle, Cidade Olímpica, Governador Leonel Brizola, Profº Nascimento de Moraes, Creche Maria de Jesus Carvalho, Orquídea Santos, Cecília Meireles, Dilson Ramos Bessa, Paulo Freire.

"A capital do Maranhão passou a ser a primeira do Nordeste a aderir ao movimento. Inicialmente, realizamos as capacitações de professores, gestores e coordenadores educacionais para reeducar os alunos da rede de ensino com relação ao lixo e ao destino dos resíduos sólidos", afirmou o secretário Albertino Leal.

"A gente ainda precisa investir muito na educação em relação ao cuidado das pessoas com o meio ambiente. Isso é um processo lento, mas ele tem que ser mantido, pois só assim nós vamos conseguir melhorar o planeta", afirmou a coordenadora nacional do Limpa Brasil, Vani Canal.

Para a diretora executiva da Atitude Brasil, Marta Rocha, mais do que limpar as cidades, o movimento tem como principal compromisso promover mudanças de atitudes. "O objetivo desse movimento não é apenas limpar as cidades, mas conscientizar e incentivar a mudança de atitude. Trata-se de um projeto de educação, valorização da cidadania e respeito ao próximo", afirmou Marta Rocha.

Limpa Brasil - No Brasil, a ação já passou por cidades como Rio de Janeiro, Brasília, Goiânia, Campinas, Belo Horizonte e outras. Mais informações sobre o projeto poderão ser obtidas no site http://www.limpabrasil.com/

O projeto nasceu na Estônia e foi trazido ao país pela empresa Atitude Brasil com a colaboração da Unesco (Organização das Nações Unidas Para a Educação, a Ciência e a Cultura). Na primeira fase do projeto, no período 2011/2012, o foco é a realização de grandes ações de mobilização para a limpeza das cidades.

No Brasil, devido à extensão territorial e ao hábito ainda muito comum de jogar lixo fora do lixo, a iniciativa é voltada principalmente à conscientização da sociedade civil, motivo pelo qual terá duração total de dez anos.

Do Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário