domingo, 14 de fevereiro de 2010

MÃE CONSTRANGE FILHO EM DUQUE BACELAR

Na pequena cidade de Duque Bacelar (a 341 km de São Luís, próximo a Caxias), uma mãe expôs o filho a situação de humilhação e maus tratos, a pretexto de puni-lo por ter sido reprovado na escola. A mulher - que não teve seu nome divulgado - amarrou com cordas o garoto de apenas 12 anos, colocou orelhas de burro em sua cabeça e o obrigou a ficar de joelhos na porta de sua casa, sob o sol, em boa parte do período da manhã.
O caso só chegou ao conhecimento público agora, mas aconteceu às vésperas do Natal passado. A mulher é proprietária da única padaria do município e esposa de um ex-vereador da cidade.
O fato revoltou os moradores de Duque Bacelar, que acionaram o Conselho Tutelar do município. Para a ativista social Tamma Passos, o que ocorreu foi um absurdo.
"Não podemos mais admitir que esse tipo de concepção de educação prevaleça em pleno século 21. Submeter o próprio filho a uma humilhação pública, com maus tratos, só porque não foi aprovado na escola é um absurdo. Está na hora de as autoridades e a sociedade repudiarem esse tipo postura", afirmou.
Casos semelhantes já ocorreram antes no município. O Ministério Público já convocou a família do garoto para apurar o caso.
Fonte: JP

0 comentários:

Postar um comentário