terça-feira, 20 de agosto de 2013

MA está no topo da lista relacionada à cheques devolvidos no mês de julho

Número de cheques devolvidos em julho/13 supera a quantidade registrada em junho e no mesmo período do ano passado.

A quantidade de cheques sem fundos devolvidos no mês de julho deste ano, em todo o país, chegou há 2,03% de acordo com pesquisa do Serasa Experian. O percentual é maior que os 1,94% verificados em junho. O percentual verificado no mês passado também é maior que os 2% observados em igual mês do ano anterior. Quanto aos acumulados, foram devolvidos 2,07% de cheques de janeiro a julho de 2013, contra 2,06% em igual período de 2012.

O que chama a atenção na lista dos estados com o maior incidência de devolução, é o Maranhão, que aparece em quinto lugar com 7,09% do total de cheques compensados, maior que a devolução de 7,00% registrada em junho. Em julho de 2012, a devolução de cheques pela segunda vez por falta de fundos no Maranhão havia sido de 6,65% do total de cheques compensados. Na liderança de cheques devolvidos Roraima aparece em primeiro lugar com (11,37%), em seguida esta o Piauí com (9,42%).

A região Norte é a primeira na lista de cheques devolvidos (4,46%), depois vem a Região Nordeste com (4,10%), seguida por Centro-Oeste (2,94%), Sul (2,01%) e Sudeste (1,62%).

Os economistas da Serasa Experian observam que a devolução de cheques por falta de fundos está na direção oposta à inadimplência geral do consumidor, que vem registrando quedas mensais. Diante da redução de seu poder aquisitivo, em decorrência da inflação, dos juros em alta e dos gastos do período (Dia das Mães, Dia dos Namorados e férias), o consumidor pode estar buscando novos empréstimos com os cheques pré-datados.



Fonte: O Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário