sábado, 4 de janeiro de 2014

Incêndios a ônibus em São Luís para a frota a partir das 18h deste sábado, veja

Ônibus parados por causa da violência em SLZ

Os ônibus ficam sem circular a partir das 18h até às 5h de sábado, domingo e segunda-feira.

Em reunião no Sindicato dos Rodoviários de São Luís, diretoria resolveu que os ônibus serão recolhidos a partir das 18h deste sábado (4). A decisão foi tomada a partir dos ataques a incêndios a ônibus que aconteceu na noite de sexta-feira (3), na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo o Assessor Jurídico do Sindicato, José Rodrigues da Silva, a decisão foi tomada não apenas pelas ações de incêndios na noite de sexta-feira (3), mas por todos os outros acontecimentos de ano passado aos motoristas.

“Essa decisão acabamos de tomar, não apenas pelos incêndios que aconteceram ontem, mas por todos os acontecimentos que aocnteceram no ano passado a nossa categoria. Vamos recolher os ônibus em todas as noites até na segunda-feira (6), e na terça-feira, iremos decidir se vamso continuar, ou não” disse José Rodrigues.

A decisão da diretoria em parar os ônibus está valendo para sábado (4), domingo (5) e segunda-feira (6). As frotas de ônibus irão ficar sem circular dos período de 18h às 5h de sábado, domingo e segunda-feira. 

Na terça-feira (7), será feito uma reunião com empresários para decidirem se irão continuar a paralisação com tempo reduzido.

Seis ônibus são incendiados em São Luís, segundo registros das delegacias

 Ônibus incendiados em SLZ

Segundo o plantão Central da Beira Mar, o primeiro registro de ônibus incendiados foi no bairro do João Paulo, a ocorrência aconteceu às 19h30.
O motorista do ônibus relatou que enquanto passava pela Avenida São Marçal, muitos homens adentraram no ônibus com armas de fogo e facas, em seguida pediu para os passageiros descerem e jogou combustível e ainda atearam fogo, no que resultou em perca total do veículo.

Segundo o relato do motorista da empresa São Benedito, o caso aconteceu por volta 19h50 próximo ao bairro da Ilhinha, que resultou cinco a seis homens, que estavam fortemente armados, pediram para os passageiros descerem e tocaram fogo no ônibus e ninguém ficou ferido.
Segundo o motorista da empresa Gonçalves, o ônibus passava pela Avenida Kenedy, quando foi surpreendido por um grupo com 10 homens, que estavam armados e adentraram tomando a renda da cobradora no valor de R$ 70 reais, e em seguida jogaram gasolina no ônibus.

O próprio motorista com a ajuda de um rapaz que estava próximo ao local conseguiu apagar o fogo com extintores e não houve perca total do automóvel. 

Todas as ocorrências foram registradas no Plantão Central da Rffsa.

Outro incêndio a ônibus aconteceu no bairro do Jardim América, onde segundo o motorista, os bandidos mandaram todos descerem e jogaram gasolina ateando fogo, mas não teve muita perca do automóvel , porque moradores ajudaram a apagar o fogo.

O incêndio a ônibus que tiveram feridos foi o caso do bairro da Vila Sarney, quando os bandidos adentraram no ônibus mandou os passageiros descerem, mas nem todos desceram, no que resultaram alguns passageiros ficando queimados em parte do corpo.
Quatro pessoas e uma criança se encontram internadas no Socorrão II em São Luís, uma está na UTI em estado grave.

O sexto registro de ônibus incendiado foi dito pela Delegacia da Cidade Operária, em que por volta das 21h30 o ônibus que fazia linha Raposa/Araçagy foi incendiado próximo a Clinica Ruy Palhano na estrada da Raposa.

Segundo o relato da delegacia, três elementos que estavam em um carro e dois em uma moto fortemente armados, mandaram o motorista parar e os passageiros descerem, logo em seguida jogaram gasolina e atearam fogo.

O ônibus não foi destruído totalmente, porque os moradores conseguiram conter as chamas com água.

Secretário
O Secretário de Segurança Pública (SSP) Aluísio Mendes, acredita que os mesmos que atearam fogo em um ônibus, foram os mesmos que atearam nos demais locais, porque não foram queimados no mesmo horário.

Mas segundo os relatos dos motoristas, a quantidade dos elementos e as características dos bandidos que adentravam nos ônibus eram diferentes.

Os motoristas de ônibus, ainda disseram nos relatos à polícia que, na noite deste sábado, não irão trabalhar, com medo de acontecer novos ataques.

Delegacia
O 9º Distrito Policial de São Luís, no bairro do São Francisco teve a fachada metralhada no início da noite de sexta-feira (3). 

A penas um vigilantes estava no local, mas não foi ferido. Testemunhas disseram que, os homens pararam em um carro branco e metralharam a delegacia.

Do Imparcial

0 comentários:

Postar um comentário